Alice Cooper diz ; Satanás é real e o mundo deve ter cuidado

0
O mundo pertence a Satanás“, afirma a estrela do rock Alice Cooper, que acredita que o seu trabalho é alertar as pessoas de que o diabo é real.
Conhecido pela sua ultrajante fase que incluía guilhotinas, cadeiras elétricas, bonecos espetados e músicas sobre necrofilia, Cooper, que tem o nome real de Vincent Damon Furnier, nasceu em um lar cristão, foi ativo na fé até a pré-adolescentencia antes de voltar sua atenção para rock in roll.
Em entrevista à CNS News ele falou de sua luta contra o alcoolismo, dizendo: “Treze anos atrás eu parei de beber e voltei para a igreja, eu estava vomitando sangue todas as manhãs, eu era realmente um alcoólatra… definitivamente um autodestrutivo.”
Inicialmente eu tinha mais temor a Deus, do que amor a Deus. Eu pensava que não queria ir para o inferno, por isso tentava fazer as coisas certas”.
Questionado sobre o que diria para as pessoas que lutam contra as drogas, álcool ou pornografia, ele disse: “O mundo não pertence a nós, o mundo pertence a Satanás Estamos vivendo nesse mundo, bombardeados todos os dias. Se você não tiver Cristo em sua vida, você é uma vítima para de tudo isso”.
O cantor, também comentou sobre a sua família que é cristã, “Meu avô foi pastor por 75 anos“, disse ele. “Eu cresci em um lar cristão. O pai da minha esposa é um pastor batista… Então sempre se referem a mim como o filho pródigo real porque … eu saí e o Senhor levou me através de tudo, talvez permitido, mas depois começou a mesmo cambaleando de volta, dizendo: OK, você já viu o suficiente, agora vamos trazê-lo de volta para onde você pertence. ”
Ele continuou: “Quando eu parei de beber eu comecei a ir de volta para a igreja com minha esposa e havia um pastor em Phoenix, que no meio de 6.000 pessoas que estavam presentes, ele sempre falava comigo, todos os domingos, eu estava exausto. Todo fim de semana eu estava lá, queria sair, dizia que não queria voltar, mas sempre voltava. E finalmente percebi que eu tinha que ir de um lado ou de outro. “
Ao comentar a diferença que teve a partir de quando voltou a fé em Jesus, ele diz que “Antes, você é sempre egocêntrico, tudo é sempre para você, você se sente um auto deus. Os seres humanos fazem deuses ruins, temos que deixar Deus ser Deus e nós sermos o que somos. ”
Ele acrescenta: “Eu tive vários amigos que aceitaram Jesus Cristo. Eu tenho conversado com algumas grandes estrelas e celebridades sobre isso”.
Cooper também foi entrevistado pela DC Beacon para HM: The Hard Music Magazine. Ele tem evitado em ser chamado de ‘celebridade cristã’ e disse a HM: “É muito fácil se concentrar em Alice Cooper e não em Cristo eu sou um cantor de rock, eu não sou nada mais do que isso eu não sou um filósofo. Eu me considero baixo no totem de cristãos experientes. Então, não procure respostas em mim.”
A fé de Cooper têm, inclusive, influenciados suas canções nos últimos anos:
Eu sou extremamente cuidadoso com as letras. Tento escrever coisas igualmente boas às coisas antigas, mas com uma mensagem melhor“.
Sobre a sua personalidade no palco, Cooper diz que ele vê a si mesmo como “o profeta do apocalipse“, advertindo o seu público: “Tenha cuidado Satanás não é um mito. Não se sente em torno fingindo que Satanás é apenas uma piada.”. Ele disse: “Eu acho que o meu trabalho é alertar sobre Satanás.”
Comentários
Loading...