Conheça a historia de como surgiu o Youtube




Baixe o aplicativo do JornalPRIME É GRÁTIS.


A história do site de vídeos YouTube teve início em uma garagem de San Francisco (Califórnia, EUA), em fevereiro de 2005. Lá, os funcionários de uma empresa de tecnologia Chad Hurley e Steve Chen, hoje com 29 e 27 anos, respectivamente, iniciaram a criação de um programa de computador para dividir vídeos com os amigos. Cerca de 20 meses depois, a invenção foi comprada por US$ 1,65 bilhão pelo Google, que também começou em uma garagem de San Francisco há oito anos.

A idéia de criar o YouTube surgiu por conta do inconveniente de compartilhar arquivos de vídeo. “Estávamos em um jantar em janeiro de 2005, onde fizemos arquivos digitais. No dia seguinte, não conseguíamos enviá-los por e-mail e demoramos muito para colocá-los na internet. Pensamos que deveria haver uma forma mais fácil de fazer isso”, afirmou Hurley, em entrevista à revista “Fortune”.

Os dois (agora multimilionários) trabalharam juntos na PayPal, uma empresa de pagamento e transferência de dinheiro via internet comprada em 2002 pelo site de comércio eletrônico eBay. Por conta desta experiência profissional, eles conheceram Roelof Botha, executivo da PayPal e parceiro do fundo de investimento Sequoia Capital, que investiu US$ 3,5 milhões no site de vídeos em novembro do ano passado.

Hurley cresceu nos subúrbios da Filadélfia (EUA) e estudou design na Universidade da Pensilvânia. Ele chegou ao PayPal depois de ler uma reportagem sobre a empresa na revista “Wired” e enviar um e-mail para a companhia pedindo emprego. Na entrevista, desenhou um logotipo para o PayPal que, de tão bem aceito, continua sendo usado até hoje. Depois da aquisição do eBay, Hurley saiu da empresa e passou a trabalhar como consultor em design até iniciar o projeto do YouTube.

Chen, por sua vez, nasceu em Taiwan e sempre foi um aficionado por matemática. Ele se mudou para os Estados Unidos e estudou programação na Academia de Matemática e Ciência de Illinois. Na Universidade de Illinois cursou ciência da computação e, no último semestre, foi contratado para trabalhar no PayPal por Max Levchin, co-fundador da empresa e seu colega de classe. Segundo a revista “Business Week”, Chen permaneceu na companhia até o início de 2005, ajudando no processo de expansão para a China.

Com a aquisição do Google, os dois empresários continuarão trabalhando na empresa que criaram, assim como os 65 funcionários da companhia (no total, são 67 pessoas). A sede do YouTube será mantida em San Bruno, na Califórnia, e a companhia vai operar de maneira independente do Google “para preservar sua marca de sucesso e comunidade apaixonada”, segundo comunicado divulgado nesta segunda.

O YouTube tornou-se tão popular nos últimos meses que, atualmente, exibe cerca de 100 milhões de arquivos por dia. Também em um dia, os internautas postam cerca de 65 mil novos vídeos. Segundo a empresa Hitwise, que monitora o tráfego na internet, o YouTube tem 46% de participação de mercado dos vídeos on-line, contra 23% do MySpace e 10% do Google Video.

você pode gostar também Os artigos deste autor

Comentários

Loading...