JornalPRIME
Notícias & Entretenimento

Ana Paula Valadão comentário sobre a marca C&A por coleção de roupas



0
Baixe o aplicativo do JornalPRIME É GRÁTIS.

Líder e fundadora da banda religiosa Diante do Trono, a cantora evangélica Ana Paula Valadão deu um show de preconceito e homofobia hoje pelas suas redes sociais, onde tem mais de 1 milhão de seguidores. Ela, que também é escritora e pastora, propôs um boicote à loja de departamentos C&A, que recentemente lançou uma coleção de roupas sem gênero definido. “Nós que conhecemos a Verdade imutável da Palavra de Deus não podemos ficar calados. Temos que #boicotar essa loja e mostrar nosso repúdio. Nos EUA a loja Target já teve prejuízo porque mais de 1 milhão de pessoas pararam de comprar (inclusive eu) desde que determinou que os banheiros feminino e masculino podem ser usados por quaisquer pessoas que se sintam homem ou mulher naquele dia, aumentando os riscos de abusos (que já aconteceram em outros lugares que apoiam a ideologia de gênero)”, argumenta.

Em outro trecho ela diz que está manifestando sua ‘Santa Indignação’ com o assunto. “Estão provocando para ver até onde a sociedade aceita passivamente a imposição da ideologia de gênero”, diz. Veja abaixo o post da cantora:

Recentemente, o canal Tipo Assim, no Youtube, fez um vídeo criticando a adesão de Ana Paula à campanha criada pela esposa do pastor Silas Malafaia para que as mulheres evangélicas felizes postassem fotos nas redes sociais lavando louça;