Publisher is the useful and powerful WordPress Newspaper , Magazine and Blog theme with great attention to details, incredible features...

Cuca diz que retranca do Vasco prejudicou Santos

O Santos acabou sendo derrotado pelo Vasco, por 1 a 0

O Santos foi derrotado pelo Vasco, no Rio de Janeiro, no último domingo (20), por 1 a 0, após a partida, o técnico Cuca comentou sobre a dificuldade da equipe santista em vencer a retranca vascaína, principalmente após o gol dos cariocas.

“Sim (problema de construir contra retrancas), você tem a posse de bola, joga os meias. Colocamos o Marinho por dentro, abrimos o Lucas Braga, fizemos uma linha de quatro atacantes com dois meias, Lourenço e Marinho, mas não foi o suficiente. Ainda pusemos dois centroavantes. Acho que a gente trabalhou bem as coisas no sentido de tentar achar uma maneira de chegar no gol, mas infelizmente não foi o suficiente”, explicou o treinador santista após derrota para o Vasco.

Rafael Ribeiro/Vasco
Rafael Ribeiro/Vasco

A derrota no Rio impediu o Santos de se igualar ao Palmeiras e entrar na briga por um lugar no G-6. O resultado negativo, na visão do treinador, se encontrou devido a marcação do Gigante da Colina e das boas defesas de Fernando Miguel.

“Pelo momento que o Vasco vive, os três pontos são mais importantes do que tudo, e eu entendo. Para sair da zona do rebaixamento eles passaram a administrar o resultado, fecharam bem as linhas, marcaram muito bem. Nós tivemos o controle do jogo, mas não a eficácia para empatar, aí o Vasco se abria e quem sabe a gente virar. Mas eles administraram bem essa vitória deles” comentou.

“A primeira oportunidade foi nossa. Depois tivemos outra com Madson, mais duas. Não é desligado. O Vasco teve a oportunidade e fez o gol, aí passa a ser outro jogo. Você tem que martelar, girar a bola, não dar o contra-ataque. Vimos o Fernando, o menino que estava treinando bem na lateral. Demos um pouco de jogo para o Soteldo. Preservamos o Marinho que estava cansado, jogou uns 20 minutos, bom para dar uma limpada no carburador. Perdemos nossa dupla de zaga, Veríssimo e Luan Peres, além do Pará. É bom para ver como fazer sem eles, já conheço o Láercio, temos colocado o Luiz Felipe com o Alex, depois tiramos ele pelo resultado. Então a gente trabalhou o que pode, lançamos os meninos para tentar o empate, Bruninho, Marcos Leonardo, junto com Soteldo e Marinho, mas infelizmente não foi o suficiente”, concluiu.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.