Publisher is the useful and powerful WordPress Newspaper , Magazine and Blog theme with great attention to details, incredible features...

[diario_shortcode template=”card_img” colunas=”4″ s=”internofolha” numero_de_parceiros=”4″ mono_post=”sim” colunas=”4″ top=”4″]

Justiça determina prisão preventiva de suspeito de atropelar dentista na Bahia

Jovem de 23 anos tinha acabado de se formar

Salvador, quinta-feira, 23 de junho por David para o site Jornal Prime – A Justiça determinou a prisão preventiva do empresário suspeito de atropelar e matar a cirurgiã dentista, Ranitla Bonella, na Bahia. A jovem de 23 anos foi atingida ao atravessar a rua na faixa de pedestre, o acidente aconteceu em um trecho urbano.

Tharcísio Aguiar se apresentou na delegacia de Ilheus, no dia 13 de junho. A polícia ouviu o depoimento do empresário que logo em seguida foi liberado. Agora, além da prisão preventiva a habilitação do investigado também foi suspensa. O acidente aconteceu no dia 11 de junho.

Veja também: Ações contra desmatamento será tema de debate na Assembleia Legislativa de Minas Gerais

Momento do acidente

A dentista havia acabado de se formar e estava na cidade para fazer uma especialização em ortodontia. No momento do acidente a vitima estava atravessando uma rodovia, em uma faixa de pedestres. Na hora do impacto a jovem foi chegou a bater em um guard rail.

Pessoas que estavam próximas ao local acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Depois disso, Ranitla chegou a ser atendida mas no fim não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo na rodovia.

O empresário chegou a divulgar uma nota nas redes sociais onde dizia lamentar o ocorrido. De acordo com o texto, ele chegou a parar no local para prestar socorro mas não ficou devido à ameaças.

Além disso, leia mais sobre: Prefeitura Municipal de Uberaba assina Carta de Intenções para o Projeto Geoparque Uberaba

Indignação da família

Por outro lado, de acordo com depoimentos dos pais da jovem as informações do depoimento do empresário não condizem com o que de fato aconteceu.

“Ele estava mais preocupado em saber se o carro estava amassado do que tentar dar socorro a minha pequena, a minha filha. Sei que nada trará ela de volta, não quero me vingar de ninguém, eu só quero justiça”, disse o pai da jovem, Roberto Bonella.

O corpo da jovem foi enterrado na tarde do dia seguinte, domingo (12). A cerimônia aconteceu no Cemitério Campo Santo, em Eunápolis.

“O que eu desejo é justiça. Nada nesse mundo vai trazer minha filha, meu anjinho de volta. Nunca mais terei como cuidar da minha menininha. Por favor me ajudem para que isso não aconteça com mais nenhuma mãe”, lamentou a mãe da dentista, Romênia Scaramussa.

Portanto, não deixe de ler também sobre: Comissão da Câmara de Uberlândia discute sobre regularização de assentamento

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.