Publisher is the useful and powerful WordPress Newspaper , Magazine and Blog theme with great attention to details, incredible features...

Santos precisa reduzir folha salarial para ter 2021 sem sustos

O Santos é o único clube paulista que está impedido de realizar novos registros de jogadores devido ao transfer ban – bloqueio na Fifa -, após o não pagamento do atacante Soteldo, que pertencia ao Huachipato, clube do futebol chileno.

Atualmente, a dívida do time santista com o clube chileno é de cerca de R$ 18 milhões. Como não receberam nenhum valor desde a transferência do camisa 10, o Huachipato não deve facilitar a negociação para renegociar os valor devidos.

Desta forma, para que “sobre” dinheiro para que as dívidas sejam pagas e para que os salários dos atletas continuem sem atrasos, a diretoria santista deve reduzir a folha salarial do clube nesta temporada. A expectativa é de que o Peixe consiga economizar por mês a quantia de R$ 2,3 milhões até o meio do ano.

Até o momento, Tailson e Arthur Gomes já foram negociados com outros clubes, Coritiba e Atlético-GO, respectivamente. Além dos atacantes, os zagueiros Luiz Felipe, Láercio e Sabino, e o goleiro Vladimir, foram procurados por outras equipes e podem deixar o Santos.

Além de manter os pagamentos em dia, o Alvinegro Praiano também busca renovar com pelo menos três jogadores, são eles: Jonathan Copete, Carlos Sánchez e Kaio Jorge. Com problemas para trazer reforços, buscar a permanência dos seus principais nomes é a melhor

O Santos sofreu muito politicamente nos últimos anos. Com mandados de presidentes que não foram nada bons para as finanças do clube, a equipe se afundou em dívidas e ficou em uma situação muito fragilizada no mercado. Com a punição da FIFA, a equipe acabou se complicando na busca por reforços para a próxima temporada.

 

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.