Bispo é preso por seduzir e fazer sexo com mulheres da igreja


Baixe o aplicativo do JornalPRIME É GRÁTIS.

A polícia prendeu o Bispo Auxiliar Evaldo Martins Salomão por violência sexual contra moças e senhoras da igreja onde era auxiliar. A Igreja Apostólica Cristo Vive fica em São Gonçalo/RJ e o Bispo era líder do grupo familiar que reunia casais para aconselhamento pastoral e dizia que a prática sexual curava muitos problemas de stress e descontrole emocional.

Pelo menos uma vez por mês ele levava somente as mulheres em sua residência afim de ensiná-las como agradar os maridos. Depois de muitas brincadeiras sensuais  e técnica  ele convenciam as mulheres a prática da sensualidade.bispo Bispo é preso por seduzir e fazer sexo com mulheres da igreja

“Ele despertava o desejo sexual nas mulheres e elas não aguentavam e não queriam ir embora, era aí que ele mantinha relações com elas. Ele comprava roupas fantasiosas e pedia para que todas vestissem e começava passar mão nelas. Fazia seis meses que isso acontecia em sua casa” diz uma testemunha que não quis se identificar.

Segundo outra testemunha, após a reunião, algumas mulheres ficavam na casa e era nesse horário que ele mantinha relações sexuais com elas. Com promessas de acabar com o stress elas faziam filas uma após a outra pra ter relação com ele.

O bispo que era ex-modelo fotográfico usava da beleza externa como alvo de sedução sobre as mulheres casadas da igreja. Calcula-se que ele teve relacionamento com mais de quinze mulheres e a maioria era esposas de outros obreiros da igreja.

O fato veio a tona quando uma das mulheres fez a denúncia ao Bispo Oficial da Igreja que imediatamente acionou a polícia e afastou o bispo auxiliar da igreja.

 

Depois do escânda-lo


Comentários

Loading...