Detalhes da fuga de detentos de Nova Mutum



Baixe o aplicativo do JornalPRIME É GRÁTIS.

Quatro detentos fugiram na noite desta segunda-feira (29) da cadeia pública de Nova Mutum. A informação foi confirmada ao Mutum Noticias pelo diretor da unidade Antonio de Lima. Conforme mostrou a reportagem, os detentos renderam os dois agentes de plantão e iniciaram a rebelião.

 

O diretor explicou que um dos detentos que trabalham na unidade e fica na parte externa auxiliou os detentos que conseguiram chegar até a armaria onde as armas dos agentes, em seguida renderam os agentes.

Os quatro detentos que fugiram roubaram um carro que pertencia um agente feito refém e ainda levaram quatro pistolas 380 duas espingardas calibre 12 e uma carabina que pertence ao sistema prisional.

Segundo Lima, cerca de 100 detentos da parte interna estavam envolvidos na rebelião. Outros 50 que cumprem pena na parte externa não estavam envolvidos na rebelião. “Os envolvidos era presos da parte interna, eles destruíram a cadeia”, cita.

A situação foi contornada com o reforço da Polícia Militar, Polícia Civil e os agentes que adentraram a unidade e tomaram o controle da situação.

Os detentos envolvidos na rebelião forma colocados em duas celas e serão transferidos para outras cadeias na região nesta terça-feira (30).

Conforme o Mutum Noticias já havia antecipado, na semana outra fuga de 21 detentos foi evitada pelos agentes. A cadeia tem capacidade para 54 presos e atualmente está superlotada com 154 detentos.detentos de Nova Mutum


Deixe uma resposta

Your email address will not be published.