Ex:bbb Ana Paula faz comentário sobre prisão de Laércio



Baixe o aplicativo do JornalPRIME É GRÁTIS.

A prisão do ex-BBB Laercio, acusado de estuprar uma adolescente de 13 anos, repercutiu durante toda a segunda-feira (16), principalmente entre os outros participantes da edição deste ano do ‘Big Brother Brasil’. Desafeto do brother durante o programa, a também ex-BBB, Ana Paula, comentou a prisão.

Proposta de ‘vaquinha’ para libertar ex-BBB acusado de estupro causa indignação

“A minha discussão, com o ex-participante do ‘BBB16’ em questão, ocorreu durante um confinamento sob grande estresse”, ressaltou ela, em seu perfil no Twitter. “As atitudes dele, somadas aos olhares e gestos, me desagradaram e muito, culminando em uma desavença pessoal. O fato ocorrido nessa manhã me deixa bastante surpresa e é uma questão judicial. Não existem culpados enquanto nada se provar. O importante desse episódio é salientar que qualquer pessoa que se sinta abusada tem o direito de denunciar”, afirmou.

exbbbanapaula

Ana Paula comenta prisão de Laércio por estupro de vulnerável: ‘Bastante surpresa’
(Foto: Reprodução)

A jornalista também aproveitou para mandar um aviso de utilidade pública aos seus seguidores, alertando-os sobre a necessidade de denunciar casos de abusos.”Se informem, conversem com familiares e amigos, não se sintam acuadas. Muitos são taxados de loucos por exprimirem sua opinião, por denunciarem um abuso, agressão. Loucos são aqueles que não querem enxergar, que deixam as vítimas ainda mais acuadas e agem de forma preconceituosa”.

“Onde já se viu perguntar para uma vítima de abuso com qual roupa estava, que esmalte usava? Não, não temos culpa. A culpabilização da vítima é um tabu que coloca milhares de mulheres com vergonha da própria condição, impedindo-as de terem a assistência necessária”.

Outra participante do ‘BBB 16’ que comentou o caso foi Geralda. No entanto, a mineira optou pela cautela. “Vamos deixar que a Justiça tome conta”, disse.

Em depoimento, Laércio negou as acusações. Ele foi preso preventivamente na manhã desta segunda em Curitiba e foi ouvido à tarde. Uma proposta de vaquinha para pagar a fiança do participante foi criticada na internet. A delegada Daniela de Andrade, do Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (Nucria), afirmou que não cabe fiança para o crime de estupro de vulnerável.

O ex-BBB não entrou em detalhes. “Prestou depoimento na frente do advogado, negou os fatos e preferiu não se manifestar”, afirmou a delegada. Além da suspeita de estupro, Laércio responde também pela suspeita de fornecer bebida alcoólica a menores de idade.

Comentários

Loading...