Publisher is the useful and powerful WordPress Newspaper , Magazine and Blog theme with great attention to details, incredible features...

[diario_shortcode template=”card_img” colunas=”4″ s=”internofolha” numero_de_parceiros=”4″ mono_post=”sim” colunas=”4″ top=”4″]

Ex-dupla sertaneja é presa em Bady Bassitt acusada de tráfico de drogas

A acusação é de tráfico e associação para o tráfico de drogas

São José do Rio Preto, 29 de junho, por José Vitor Rack do Jornal Prime – Os integrantes da ex-dupla sertaneja Glaucinei & Glaucimar foram presos nesta segunda-feira, 27, em Bady Bassitt, região metropolitana de São José do Rio Preto. Conforme informações da Polícia Federal, os presos estavam com mandato de prisão preventiva expedido pela Justiça. A acusação é de tráfico e associação para o tráfico de drogas.

A operação que culminou na prisão dos homens foi uma associação entre Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal. Os presos, que são irmãos, estavam com o mandado de prisão emitido pela 2ª Vara Criminal de Aparecida do Taboado, Mato Grosso do Sul.

A saber: Zoológico de Rio Preto recebe novos filhotes
Como foi a operação em Bady Bassitt?
Em maio, um dos irmãos foi pego em flagrante com um quilo de cocaína. A prisão ocorreu no pedágio da rodovia BR-153, na região de Bady Bassitt. Portanto, descobriram que a documentação entregue por ele à polícia era falsa. Em depoimento descobriram que o outro irmão era morador de Bady Bassitt.

A partir daí foi expedido outro mandado. O segundo irmão foi localizado na cidade igualmente com documentação falsa. Deu-se cumprimento ao mandado e ambos estão presos agora. A Polícia Federal já conhecia a dupla. Eles foram presos no ano de 2009. Estavam de posse de sete quilos de pasta base de cocaína. O flagrante aconteceu na cidade de Santa Fé do Sul.

Não deixe de ler: SENAC Rio Preto tem mais de 300 bolsas de estudo disponíveis
O que vai acontecer com os irmãos sertanejos agora?
Os irmãos são naturais de Santa Fé do Sul. Experimentaram algum sucesso na década de 1990, gravando discos e participando de programas de rádio e TV para promover a venda de shows. No entanto, o envolvimento deles com drogas arruinou completamente a carreira artística que eles mantinham. Por certo nenhum promotor de shows ou eventos queria ter seu nome ligado a eles.

Do ponto de vista jurídico as coisas ficam muito mais sérias. Nesse sentido, a pena mínima para os condenados pelo crime de tráfico de drogas é algo entre cinco e quinze anos de reclusão. Apresentar documentação falsa pode dar algo entre dois e seis anos de reclusão e multa. Em conclusão, tudo se torna mais complicado para eles pelo fato deles não serem mais réus primários, o que gera uma espécie de atenuante a ser levado em conta pelo juiz do caso.

Logo depois: Moradores de rua de Rio Preto são monitorados pela Prefeitura

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.