Publisher is the useful and powerful WordPress Newspaper , Magazine and Blog theme with great attention to details, incredible features...

[diario_shortcode template=”card_img” colunas=”4″ s=”internofolha” numero_de_parceiros=”4″ mono_post=”sim” colunas=”4″ top=”4″]

Mulher desabafa após o pai ser assassinado pelo ex-namorado em Goiânia

O crime aconteceu na tarde de ontem (27)

Goiânia, 28 de junho, por Ellen Vaz do Jornal Prime – No começo da tarde de ontem (27), um ex-policia civil foi assassinado dentro de uma farmácia em Goiânia. O suspeito é o ex-genro da vítima que já havia feito ameaças anteriormente. Saiba mais detalhes sobre esse caso no Jornal Prime.

Fique por dentro das informações através do site Jornal Prime. Além disso, deixe seu comentário no final da matéria. Continue lendo para descobrir mais detalhes sobre o desabafo feito pela filha do policial assassinado em Goiânia.

Além disso, leia também a matéria disponível no site Jornal Prime: Mulher procura a polícia após receber 22 multas de trânsito; veja
Filha do ex-policial assassinado em Goiânia faz desabafo
Na tarde de hoje (28), Kenia Yanka, filha de João Rosário Leão, ex policial civil concedeu uma entrevista emocionado para o portal Mais Goiás ao relatar detalhes do relacionamento com o ex-namorado, Felipe Gabriel. Segundo ela, anteriormente, o suspeito já havia apontado uma arma para ela e feito disparos para cima, isso ocorreu no último final de semana.
“Ele começou a gritar comigo e meu pai falou: ‘você não gritar com ela não’. Ele já pegou a arma e atirou para cima. Na mesma hora já apontou para o meu pai. Eu entrei na frente e ele ficou com a arma na minha cara”, disse emocionada.
Segundo Kenia, após a discussão o pai denunciou o ex-genro para a polícia por ameaça a filha. Ao saber da denúncia Felipe teria ficado descontrolado e avisado que mataria o pai de Kenia. Dessa forma, o suspeito foi até a farmácia de João e efetuou dois disparos contra o aposentado. Logo após o crime, ele avisou a ex-namorado do ocorrido e a ameaçou ao dizer que ela seria a próxima.

Além disso, de acordo com a polícia, o padrasto do suspeito teria escondido o enteado para a polícia não localizá-lo. O homem também foi preso por posse de arma de fogo ilegal. Contudo, a polícia de Goiânia ainda não localizou o suspeito de aplicar os disparos contra o aposentado.

Contudo, confira também a matéria disponível no site Jornal Prime: Modelo de Anápolis é a representante de Goiás no Miss Universo Brasil
Felipe responde na justiça por ameaça e violência contra mulher
O suspeito de assassinar o ex-policial civil em Goiânia, responde por três processos na justiça, por ameaças e crimes contra a mulher. Segundo o Tribunal de Justiça de Goiás, em um dos processos o homem portava simulacro de arma de fogo, em Aruanã.

Por fim, acompanhe também a matéria disponível no site Jornal Prime: 7 anos da morte do cantor: pai de Cristiano Araújo quer lançar álbum póstumo

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.