Publisher is the useful and powerful WordPress Newspaper , Magazine and Blog theme with great attention to details, incredible features...

[diario_shortcode template=”card_img” colunas=”4″ s=”internofolha” numero_de_parceiros=”4″ mono_post=”sim” colunas=”4″ top=”4″]

Igreja de Uberaba anuncia live sobre a saúde mental

O evento também será sobre prevenção ao suicídio

Uberaba, 28 de agosto, por Aniele Lacerda, Jornal Prime – Com a aproximação da Campanha Setembro Amarelo, a Arquidiocese de Uberaba anunciou uma live. O evento será sobre a saúde mental das pessoas e a prevenção ao suicídio. Então, a transmissão será no dia 30 de agosto, no período noturno e terá como tema a desconstrução de paradigmas.

De acordo com o projeto da igreja de Uberaba, o principal objetivo é alertar a população sobre os cuidados com a saúde mental. No entanto, esse tema já é tratado com maior atenção por diversos órgãos no mundo. Porém, devido a pandemia mundial da Covid-19, a situação se agravou.

Então, veja também: Roma propõe ensino profissionalizante associado às vocações econômicas da Bahia

Um pouco sobre a live de Uberaba

De acordo com a Pascom, centro que integra a Arquidiocese de Uberaba, a situação é grave. Portanto, vários fatores contribuem para o avanço das doenças mentais no mundo. Em primeiro lugar, a situação econômica e relacionadas com a política. Todos esses fatores são gatilhos para desencadear outros problemas e adoecer a população.

O órgão entende que é necessário a interferência da igreja nessa situação. Dessa forma, com o objetivo de amar o próximo, eles anunciaram a live com transmissão no canal do YouTube. Além disso, o evento terá a presença de alguns padres de Uberaba que atuam na área de psicologia.

Além disso, leia mais sobre: Governo de Rui Costa tem 80% de aprovação entre os baianos

A importância do Setembro Amarelo

No mês de setembro dedicam os dias para a campanha da prevenção ao suicídio. Porém, ação é recente e seu início foi no ano de 2015. Além disso, o Brasil é considerado o país da América Latina com maior número de pessoas deprimidas e ansiosas.

Os fatores que influenciam diretamente nessa situação são pobreza, perdas de pessoas importantes, abuso de drogas ou álcool e outros mais. Todavia, cada um pode fazer sua parte e notar alguma mudança de comportamento nos que estão próximos. Além disso, identificando os sinais visíveis como alteração de humor, falta de cuidados pessoais e solidão.

Para as pessoas que enfrentam a doença, é importante buscar  ajuda nos locais certos. Por exemplo, se não possui condições financeiras, existe o Centro de Valorização da Vida, que atende 24 horas por dia, através do 188, e-mail ou chat. Além disso, é necessário buscar ajuda com profissionais desta área da saúde.

Portanto, não deixe de ler também sobre: Dois homens são presos por envolvimento em homicídios e roubos em Mata de São João, na Bahia

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.