Publisher is the useful and powerful WordPress Newspaper , Magazine and Blog theme with great attention to details, incredible features...

[diario_shortcode template=”card_img” colunas=”4″ s=”internofolha” numero_de_parceiros=”4″ mono_post=”sim” colunas=”4″ top=”4″]

Ocupação de leitos de Covid na rede privada aumenta em junho, diz ANS

A ANS ainda relatou um aumento no número de reclamações de usuários de planos de saúde

Salvador, 27 de julho por David para o site Jornal Prime – De acordo com um levantamento divulgado nesta terça-feira (26), a ocupação de leitos de UTI exclusivos para Covid-19 nas redes privadas do país subiu para cerca de 49,2% em junho. As informações foram reveladas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

Essa taxa elevada de internações corresponde a uma nova alta de casos ativos de Covid-19 no Brasil. Os dados são facilmente observados no painel de monitoramento da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Desde o último pico da doença no inicio deste ano, o país não registrava mais de 20 mil casos da doença em 24 horas. A partir da segunda quinzena de abril e o fim de maio os números começaram a subir novamente, chegando aos 50 mil no fim do mês de junho.

Veja também: OMS recomenda redução de parceiros sexuais como prevenção a varíola dos macacos

A ANS ainda relatou um aumento no número de reclamações de usuários de planos de saúde que tiveram problemas com a realização de exames e até mesmo para seguir com o tratamento da doença. Segundo a Agencia foram registradas 422 queixas.

Além disso, leia mais sobre: Polícia Civil de Uberlândia conclui investigação e indicia homem que assassinou a esposa

Início da vacinação infantil com a CoronaVac

A diretoria da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) se reuniu para votar na autorização do uso do imunizante da CoronaVac em crianças com idade entre três e cinco anos. A reunião aconteceu no início do mês. Ou seja, antes da reunião, só se permitia o uso da vacina em crianças e adolescentes com idade superior a seis anos. Assim, a distribuição dos imunizantes começou a ser feita para essa faixa etária desde o mês de janeiro deste ano.

A votação teve pedido inicial feito pelo Instituto Butantan e tinha sido feito no mês de março deste ano. Vale lembrar que o Instituto é responsável por produzir o imunizante. Por fim, estudos recentes já comprovam que a aplicação da Coronavac traz muito mais benefícios para as crianças desta faixa de idade do que possíveis riscos.

Por fim, para as pessoas que tem dezoito anos ou mais a imunização segue firme também. Tanto para quem se vacinou com a Janssen no primeiro esquema de imunização, como quem tomou o imunizante da Johnson & Johnson estão aptos para a terceira dose da vacina.

Portanto, não deixe de ler também sobre: Prefeitura de Aparecida de Goiânia promove “Empreender no Bairros”

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.