Publisher is the useful and powerful WordPress Newspaper , Magazine and Blog theme with great attention to details, incredible features...

[diario_shortcode template=”card_img” colunas=”4″ s=”internofolha” numero_de_parceiros=”4″ mono_post=”sim” colunas=”4″ top=”4″]

Uberlândia anuncia continuidade das obras no Anel Viário

Odelmo Leão anunciou que a liminar foi concedida pela justiça

Uberaba, 25 de agosto, por Aniele Lacerda, Jornal Prime – O prefeito de Uberlândia, Odelmo Leão, anunciou diversas obras em parceria com um programa de mobilidade urbana. Dessa forma, o município investirá um montante de aproximadamente 60 milhões. O governo destinará o valor para recapeamento de algumas ruas da cidade, principalmente as vias com fluxo do transporte coletivo.

Na ocasião, o Executivo informou que uma liminar da justiça permitirá a continuidade das obras no Anel Viário de Uberlândia. Então, o documento autoriza a desapropriação de algumas chácaras da região. De acordo com Odelmo Leão, o valor para retirada das unidades rurais será em torno de R$6 milhões.

Então, veja também: Roma propõe ensino profissionalizante associado às vocações econômicas da Bahia

Executivo de Uberlândia fala sobre obras

O município obteve o investimento para as obras anunciadas através de um financiamento com o Banco do Brasil. Além disso, o prefeito de Uberlândia explicou que usará o montante na desapropriação das chácaras. Portanto, o próximo passo será a construção de uma ponte que dará acesso a duas cidades do Triângulo Mineiro.

“A partir das próximas semanas as obras deverão ser retomadas. Entramos com ação judicial pedindo a desapropriação das áreas e, de nove chácaras, oito foram autorizadas para o processo de desapropriação. A que falta deve sair rapidamente”, informou Odelmo.

Além disso, leia mais sobre essa notícia em nosso Portal: Governo de Rui Costa tem 80% de aprovação entre os baianos

Sobre as obras no Anel Viário

De acordo com o órgão responsável pelas edificações em rodovias de Minas Gerais, a empresa está pronta para a continuidade das obras. No entanto, o reinício deverá ser em torno de 15 dias e a previsão de entrega é entre os primeiros meses de 2023.

Além da construção da ponte, o programa prevê a pavimentação de um trecho da rodovia. Além disso, a vida terá uma readequação, o investimento total será de aproximadamente R$26 milhões. A empresa responsável entregou as obras da estrutura da ponte no ano de 2018. Portanto, a continuidade dependia do parecer favorável da justiça, que demorou 27 anos.

Um pouco sobre o Programa Integra

De acordo com Odelmo Leão, esse programa possibilita cuidados maiores com a infraestrutura da cidade. Todavia, necessita do apoio de alguma instituição financeira para o financiamento. Além disso, o Executivo afirma que a prioridade é melhorar a mobilidade de Uberlândia, inclusive com a construção de novas ciclovias.

Portanto, não deixe de ler também sobre: Dois homens são presos por envolvimento em homicídios e roubos em Mata de São João, na Bahia

 

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.