Publisher is the useful and powerful WordPress Newspaper , Magazine and Blog theme with great attention to details, incredible features...

[diario_shortcode template=”card_img” colunas=”4″ s=”internofolha” numero_de_parceiros=”4″ mono_post=”sim” colunas=”4″ top=”4″]

Uberlândia divulga número de eleitores com título cancelado

Aproximadamente 10% da população está sem o documento

Uberaba, 23 de setembro, por Aniele Lacerda, Jornal Prime – Com menos de 15 dias para as eleições, Uberlândia registra um número alto de eleitores com título cancelado. Dessa forma, como o prazo de regularização já passou, por volta de 10% da população não estará apta a votar. Então, de acordo com o cartório eleitoral, são quase 4 mil títulos suspensos e 24 mil cancelados, por motivo de óbito.

Um dos responsáveis pelo cartório eleitoral de Uberlândia explicou sobre os cancelamentos. Assim, ele disse que o principal motivo é ausência nas eleições anteriores. Por exemplo, se o eleitor deixar de comparecer nas três últimas, tem o título cancelado. Além disso, olham a falta de revisão no documento, que recentemente incluiu a biometria e por óbito ou decisão da justiça.

Então, veja mais sobre: STF decide que poder público deve assegurar creche e pré-escola para crianças de até 5 anos

Motivos de cancelamento citados pelo Cartório de  Uberlândia

De acordo com Gustavo, um dos responsáveis pelo cartório   de Uberlândia, a falta de regularização traz consequências. Em primeiro lugar, o eleitor será prejudicado na emissão de passaporte, ingressar em algum órgão através de concursos. Por fim, ainda lidará com outras ações, inclusive não conseguindo se matricular em alguma universidade.

“Há ainda consequências ligadas ao CPF da pessoa, que não são imediatas. Isto é, podem ocorrer quando houver um batimento de dados entre a Receita Federal e o cadastro eleitoral e, havendo divergência, ou estando o cadastro suspenso ou cancelado, pode também haver a suspensão do CPF, dependendo do caso, até a regularização do título”, disse.

Além disso, leia mais sobre essa: Operação Araitak prende mais dois investigados por crimes de homicídios

Sobre regularização e 2ª via

A regularização do título de eleitor só será possível após o período das eleições desse ano. Dessa forma, quando encerrar, o cidadão terá a opção de comparecer no cartório de Uberlândia com os documentos necessários. Além disso, pode regularizar através da internet e cadastrando em um dos tribunais eleitorais. Em seguida, preenche os dados e tira uma foto segurando um documento oficial.

Quando o título está suspenso, o eleitor terá mais facilidade na regularização. Para tirar segunda via documento, o prazo encerrou na última quinta-feira (22). Portanto, a opção era válida apenas para os que estivessem regularizados. No dia do pleito, não é obrigatório apresentar o título, apenas um documento oficial com foto na forma digital ou física.

Portanto, não deixe de ler também sobre: Dois homens são presos por envolvimento em homicídios e roubos em Mata de São João, na Bahia

 

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.