Publisher is the useful and powerful WordPress Newspaper , Magazine and Blog theme with great attention to details, incredible features...

Notas falsas vendidas até pelo WhatsApp são identificadas em Nova Mutum

Uma empresária de Nova Mutum do ramo de alimentação recebeu em seu comercio uma falta falsa de R$ 100, esta semana. Ela utilizou a lanterna que identifica a notal falsa da verdadeira, porém não havia diferença de uma para a outra.

Ao passar a mesma nota em outro estabelecimento, ela acabou ficando com o prejuízo, pois a empresa recusou aceitar a nota por identificar que ela não era verdadeira.

A comerciante afirmou que ao pegar a nota de uma cliente, percebeu que estava um pouco diferente, mas o fato de não ter identificado pela lanterna, ela acabou aceitando.

“Eu percebi que a nota estava um pouco diferente, mas como sempre utilizamos a lanterninha, não houve diferença e por conta disso mesmo com toda a minha desconfiança acabei aceitando. Mas ao usar a mesma nota em uma compra o comercio recusou porque identificou ser uma nota falsa, e eu fiquei no prejuízo”, disse a empresária.

A reportagem do Diário Norte, esteve na agencia do Banco do Brasil, para verificar se na instituição havia aparecido notas falsas, para a nossa surpresa ao chegarmos ao caixa nos deparamos com a atendente identificando uma outra nota falsa também no valor de R$ 100.

A tendente, Paula Souza, afirmou que nesses últimos dias têm aparecido várias notas falsificadas nos valores de R$ 50 e R$ 100.

Ela alertou os comerciantes a analisar bem todas as notas desses valores ao receber em seu comercio tendo em vista que as instituições financeiras não vão receber essas cédulas, e nem mesmo reembolsar os clientes que porventura forem vítimas, ao receberem essas notas falsas.

“A gente recomenda que os comerciantes e as pessoas em geral observem bem cada nota que receber, para não serem prejudicados, pois temos observado que nesses últimos dias várias cédulas falsificadas estão circulando na praça, e diante disso recomendamos o máximo de atenção”, concluiu a atendente do caixa, Paula Souza.

Fonte : Diariodonorte