Publisher is the useful and powerful WordPress Newspaper , Magazine and Blog theme with great attention to details, incredible features...

[diario_shortcode template=”card_img” colunas=”4″ s=”internofolha” numero_de_parceiros=”4″ mono_post=”sim” colunas=”4″ top=”4″]

Minas Gerais traça plano para conter crise climática

A reunião aconteceu na Assembleia Legislativa de Minas Gerais

Uberaba, 27 de agosto, por Aniele Lacerda, Jornal Prime – Comissões e parlamentares se reuniram em uma audiência na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). Então, o assunto abordado foi sobre a crise climática que afeta o estado. Além disso, os presentes planejaram ações para conter o avanço de desmatamento e emissão de gases.

Representantes dos órgãos de meio ambiente também marcaram presença na reunião. O pedido geral é para que em conjunto, tracem ações e planos que contenham o avanço da crise climática em Minas Gerais. Além disso, parte do público saiu em defesa de que criem políticas para intensificarem a proteção e lidarem com os impactos causados pelas mudanças no clima.

Então, veja também essa notícia em nosso Portal: Salvador amplia ‘Liberou Geral’ para 4ª dose de pessoas com mais de 18 anos

Representantes de Minas Gerais falam sobre o tema

Um dos convidados e diretor do órgão de meio ambiente de Minas Gerais, afirmou que a justiça precisa criar políticas envolvendo a situação climática. Então, ele revela que o Brasil é o pioneiro na questão de marco ambiental. “Mas é preciso juntar todas as iniciativas existentes (de proteção ambiental) para um resultado mais positivo e adotar a justiça climática para se enfrentar emergências climáticas. No Brasil se gasta mais em desassoreamento do que em saneamento, não é possível. Meio ambiente não é papo de ambientalista, é qualidade de vida”, disse ele.

Além disso, leia mais sobre: Bahia tem 10 meses consecutivos com redução de mortes violentas, diz SSP

Outros assuntos sobre a crise

O responsável pelo órgão que media a sustentabilidade do país, revelou que Minas Gerais está no caminho certo. Porém, precisa que outros estados sigam o exemplo do estado. Além disso, ele cobra empenho de todas as esferas do poder público.

Uma das principais causas da crise climática é a emissão alta de gases de efeito estufa. Então, um estudo mostrou que o Brasil é o líder no quesito. E o motivo seria o desmatamento no país, inclusive na Amazônia. Já o estado mineiro, ocupa o terceiro lugar no ranking nacional.

De acordo com um professor presente na audiência, se o país implementar o código florestal, a situação fica mais fácil de controlar. Pois um percentual dessa emissão é referente ao trabalho dos agricultores. Com o selo verde e outras ações, é possível conscientizar sobre o uso do solo e ajudar na crise climática.

Portanto, não deixe de ler também sobre: Dois homens são presos por envolvimento em homicídios e roubos em Mata de São João, na Bahia

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.