Publisher is the useful and powerful WordPress Newspaper , Magazine and Blog theme with great attention to details, incredible features...

[diario_shortcode template=”card_img” colunas=”4″ s=”internofolha” numero_de_parceiros=”4″ mono_post=”sim” colunas=”4″ top=”4″]

Policial civil e bombeiro estão desaparecidos no lago Serra da Mesa em Goiás

Bombeiros da região começaram as buscas

Goiânia, 25 de junho, por Ellen Vaz do Jornal Prime – Quatro pessoas estavam a bordo de uma embarcação no lago Serra da Mesa, em Goiás, quando a embarcação naufragou. Um policial civil e um bombeiro estão desaparecidos. Saiba mais detalhes sobre esse caso no Jornal Prime.

Fique por dentro das informações através do site Jornal Prime. Além disso, deixe seu comentário no final da matéria. Continue lendo para descobrir mais detalhes sobre o náufrago no lago Serra da Mesa, município de Minaçu, em Goiás.

Além disso, leia também a matéria: Mulher procura a polícia após receber 22 multas de trânsito; veja
Homens estão desaparecidos após embarcação naufragar no lago Serra da Mesa em Goiás

De acordo com a polícia, quatro pessoas estavam na embarcação. Entre eles estão dois policiais civis e dois bombeiros do DF. O naufrago aconteceu na última sexta-feira (24), em torno da 20h, durante uma pescaria. Após o acidente, um dos policiais e o outro bombeiro conseguiram nadar e sair do lago. Os outros dois homens ainda estão desaparecidos.

Os desaparecidos são: Natair de Melo, agente de polícia e “Roque”, identificado pelo apelido, que é do Copo de Bombeiros do Distrito Federal. O corpo de bombeiros relatou que o naufrago aconteceu após um deslocamento da embarcação e a água começar a entrar.

Contudo, confira também a matéria disponível no site: Modelo de Anápolis é a representante de Goiás no Miss Universo Brasil
Buscas pelas vítimas

O acidente aconteceu na Fazenda Buriti Queimado. Segundo o Corpo de Bombeiros de Minaçu, as buscas começaram na sexta-feira (24). Equipes de Uruaçu, Goiânia, Anápolis e do Distrito Federal também irão ajudar nas buscas. Até o momento, os desaparecidos ainda não foram encontrados.

Afogamentos no Brasil segundo a Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático

De acordo com a Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático, 15 pessoas morreram por dia vitimas de afogamento no Brasil, no ano de 2019. Além disso, os adolescentes estão mais propícios ao risco de morte. Em relação às crianças, a maioria dos casos ocorre em piscinas de residências. Contudo, entre essas 15 mortes, uma ou duas são de pessoas que tentam salvar alguma vítima de afogamento e não consegue. A associação alerta que a forma de ajudar uma vítima de afogamento é lançando algum objeto flutuante, como boias ou coletes salva-vidas. Além disso, deve-se acionar um guarda-vida ou bombeiro para realizar o resgate.

Por fim, acompanhe também a matéria disponível no site: 7 anos da morte do cantor: pai de Cristiano Araújo quer lançar álbum póstumo

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.